Educação DECISÃO

Pagamento do Fies tem parcelas suspensas devido pandemia do coronavírus

Medida vale para aqueles que estavam em dia antes da decretação de calamidade pública no país.

15/05/2020 20h50
Por: Augustho Soares

As próximas parcelas do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) não precisarão ser pagas por enquanto. O presidente Jair Bolsonaro sancionou, hoje, a Lei que permite a suspensão do pagamento do programa durante o período da pandemia de coronavírus no Brasil.

O texto foi publicado na edição de hoje do Diário Oficial da União, e a lei já está em vigor. A medida vale para os contratos que estavam em dia com as parcelas antes da decretação de calamidade pública no país, decretado em 20 de março.

Conforme a lei, podem ser suspensas duas parcelas para os contratos em fase de utilização ou carência, aqueles estão ainda na faculdade ou nos 18 meses após sua conclusão.

Já para os contratos em fase de amortização, caso dos estudantes que já concluíram seus cursos, está permitida a suspensão de quatro parcelas.

Esses prazos, no entanto, poderão ser prorrogados pelo governo posteriormente.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.